Ela se isola e diz que não precisa das pessoas, mas todas as noites, antes de dormir, chora por se sentir sozinha. Seria cômico, se não fosse trágico.
A menina e o violão. (via recontador)
realizes:

♡personal/love♡
to precisando de abraços , mas não qualquer abraço.
Moça, a culpa não é sua se os garotos não percebem o brilho perfeito de seus olhos, ou o lindo timbre de sua voz, a culpa não é sua se não notam seu sorriso e se seu corpo não os faz lhe desejar. Você não precisa tornar-se algo que não é para agradar os que não a conhecem ou não a amam como és. Moça, ame-se primeiro, enxergue-se como queres que os outros a vejam, não mude radicalmente se não é daquela maneira que você queria ser, não entre em metamorfose nem faça o que os outros queiram que faças só para que a achem melhor, seja quem quer ser, a opinião de moleques não deve fazer parte da formação do teu caráter. No futuro, todos olharão para o próprio passado e se arrependerão de não terem dado valor a uma princesa como você, não se culpe por todos hoje em dia preferirem vadias, falsas e oferecidas à garotas que ficam sempre em casa, lêem e se guardam para alguém que as ame de verdade. A culpa não é sua, moça, se o mundo tornou-se um lugar habitado por garotos que acham que são homens por tratarem mulheres feito objetos, por magoarem montes de garotas inocentes sem sequer se arrepender… Mais tarde eles irão desejar ter ao lado alguém como você sempre foi e eles nunca deram valor, ai você saberá como é melhor que todos eles e que um dia a pessoa certa irá lhe amar e lhe dizer o quanto és única e especial por nunca ter acreditado na opinião fútil de garotos de mentes vazias e olhos que não enxergam além de corpos perfeitos, roupas curtas e rostos maquiados.
Willian Verraniér.    (via cann4bix)